Meu Diário
18/11/2010 21h23
Espaço novo - Cidadania do Repente, um livro que virou poesia
        

            CIDADANIA DO REPENTE, 
                         UM LIVRO QUE VIROU POESIA

      

                  
Raul Poeta é o nome do autor. Ele lançou no dia 17/11/2010, por ocasião da Mostra SESC Cariri, na Praça da Sé, na cidade do Crato, o cordel em forma de mote em sete sílabas sobre o conteúdo do livro Cidadania do Repente de autoria de Pedro Ernesto Filho. Numa viagem silenciosa pelos textos do livro, o autor do cordel permeou página por página, no mote que assim revelou: 
                             
                             Com Pedro Ernesto o repente
                             ganhou mais cidadania.


O poeta Pedro Ernesto
fez de mestre uma jogada,
numa obra preparada
com sutileza de um gesto
humano, sábio e modesto
em prol da áurea poesia ...
fez um livro de valia
dando orgulho a muita gente
- Com Pedro Ernesto o repente
ganhou mais cidadania.

Em busca de preservar
vários estilos poéticos
ele juntou os mais éticos
num perfeito linguajar,
esse culto versejar
de tanta glória e margia,
carimba a sabedoria
de um poeta competenbte
- Com Pedro Ernesto o repente
ganhou mais cidadania.




Publicado por Pedro Ernesto Filho em 18/11/2010 às 21h23