Textos


AQUI SE PLANTA CULTURA
PRA COLHER FELICIDADE
 
              O Instituto Cultural do Vale Caririense-ICVC comemorou anos de fundação. A solenidade se deu na noite de 20 de setembro de 2014, no auditório da Faculdade de Juazeiro do Norte- FNJ, e contou com a presença das maiores personalidades da cultura do Cariri. Na oportunidade houve também a posse da  nova diretoria. Pedro Ernesto Filho, ainda na condição de Vice-Presidente da entidade, fez a saudação em prosa e verso, como demonstra o mote que segue.   

A natureza me empresta
o seu melhor atributo
pra falar do Instituto
numa sessão como esta,
na data que marca a festa
dos quarenta anos de idade,
tirando a simplicidade
o resto é poesia pura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Em Juazeiro do Norte
o Instituto nasceu
depois que nasceu cresceu
sábio, bravo, autêntico e forte,
blindado com o dom da sorte
ganhou nome na cidade,
ao lado da humildade
pregou a visão futura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Uma entidade civil
que não tem fins lucrativos,
e que um dos objetivos
é cultuar o Brasil,
que faz de forma sutil
o papel de liberdade,
sem perder a equidade
age com desenvoltura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.

Difunde bem a ciência
cultiva a arte em geral,
a missão regional
mantém com muita frequência,
interage com decência
na forma de entidade
gerando a contiguidade
do leitor com a leitura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Seus sócios são competentes:
Titulares e Honorários,
os Beneméritos são vários,
além dos Correspondentes,
todos se fazem presentes
dando alma à integridade,
mostrando à comunidade
o seu gesto de lisura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Sua temática se ostenta
nas legendas brasileiras,
avançou pra cem cadeiras
quando só tinha quarenta,
seu prestígio se sustenta
no princípio da bondade,
no eixo da lealdade
seu carisma se segura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
  
Seu trabalho se inicia
no somatório de ideias,
realiza as assembleias
e escolhe a Diretoria,
sendo assim se denuncia
em prol da sociedade,
fugindo da vaidade
e se adaptando à ternura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Saibam que este Instituto
é um grupo de pessoas
que toma decisões boas
com base em seu Estatuto,
que se alimenta do fruto
da prática da caridade,
que vê a dignidade
sem as manchas da censura
 - Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Possui sua independência
por ser firme e baluarte,
cada um faz sua parte
nas pesquisas da ciência,
conquistando a eminência
do mundo da idoneidade,
a simples mensalidade
sustenta sua estrutura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Rosário é quem está à frente
das dicas de seu comando
e já está quase entregando
ao seu novo presidente,
porém deixando a semente
da essência da verdade,
usando a praticidade
fez uma gestão matura
 - Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
E assim professor Renato
em suas novas funções
constitui as comissões
para ajudar no mandato,
conservando o aparato
do princípio da igualdade,
uma nova atividade
o professor inaugura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
A sua biblioteca
todo cidadão acessa,
cada livro é uma peça
que a sabedoria breca,
uma fonte que não seca
nem diminui pra metade,
sua credibilidade
se mantém da mesma altura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
 Aqui por diversas vezes
podemos ter várias  chances
pra deleitar nos romances
de Seu Geraldo Menezes,
em sessão todos os meses
respeita a unanimidade,
usa a criatividade
mantendo a mesma postura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Todo mês um palestrante
um tema novo apresenta
e no discurso ele sustenta
a sua ideia vibrante,
num debate consoante
renasce oportunidade
de mostrar celebridade
sem construir amargura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Os sócios tem vocação
para assumir o encargo
por isto não acha amargo
o sabor da discussão,
nos alinhos da visão
encontra a realidade,
com muita espontaneidade
a ciência se afigura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
  
A família é respeitada,
o saber encontra espaço,
entre sorriso e abraço
a festa é realizada,
quando homenagem é prestada
encanta a comunidade,
se alguém expressar vontade
vai encontrar abertura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.
 
Seu prestígio ninguém mede
pois a sua história é tanta,
tanta que o povo se espanta
porque lhe falta um sede,
há muitos anos se pede
apoio de autoridade,
mas fica só na saudade e
promessa da Prefeitura
- Aqui se planta cultura
pra colher felicidade.

 
 
 
 
 
 
Pedro Ernesto Filho
Enviado por Pedro Ernesto Filho em 21/09/2014
Alterado em 21/09/2014

Música: CASA DE CAMPO - Os Nonatos



Comentários