Textos


CORALINA E CRISANTINA
TÊM HISTÓRIAS PARECIDAS


                Por ocasião do  lançamento do livro Fragmentos de uma História, da professora e escritora Crisantina Monteiro Dias, realizado no dia 25 de janeiro de 2014, na cidade do Barro. Pedro Ernesto Filho fez a apresentação do livro encerrando suas palavras com o mote em referência.


Começam com a letra C,
polissílabos, sons abertos,
paroxítonas libertos
como a Gramática prevê,
não se conhece o porquê
das semelhanças vividas,
duas pessoas munidas
de conceito e disciplina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
 
Cada nome representa
substantivo de afeto,
próprio, simples e concreto e
na mesma rima se ostenta;
somente após os setenta
se tornaram conhecidas,
nas letras bem sucedidas
como prescreve a doutrina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
 
A causa não é à toa:
Cora fabricava doce,
Crisanta consigo trouxe
doçura em sua pessoa,
um doce que não enjoa
nem causa ações reprimidas, 
mas alimenta as jazidas
da cultura nordestina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
 
Essas semelhanças suas
têm explicações de sobras
Cora publicou três obras,
Crisanta já lançou duas;
são dois astros, duas luas,
nos céus das artes polidas,
duas memórias nutridas
onde a ciência germina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
 
Cora nasceu em Goiás,
Crisanta no Ceará,
mas em cada Estado há
presença de três vogais,
com cinco fonemas faz
as expressões definidas,
como quem tira as medidas
das tolerâncias da sina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
 
O mesmo talento têm
no cenário menestrel,
Cora escreveu em cordel,
Crisantina fez também;
Crisanta se expressa bem
nas oratórias devidas,
Cora em frases comedidas
amenizava a ruína
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
  
São grande exemplo de fé,
Cora se expressava em crônicas,
Crisanta em cartas lacônicas
demonstra o que ela é,
porém se parecem até
nas leituras preferidas,
bibliófilas, destemidas,
devotas da lei divina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
 
Cora no passado disse
não ter angústia dos anos,
Crisantina traça planos
ludibriando a velhice,
as duas na meninice
tiveram infâncias sofridas,
suas mensagens são lidas
por quem aprende e ensina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
 
Cora evitando desande
escreveu Velho Sobrado,
Crisanta fez um tratado
falando da Casa Grande,
uma ideia que se expande 
nas mentes favorecidas,
inspirações insculpidas
onde a arte predomina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.
  
Sem ter ideias raquíticas
Cora zelava seus atos,
Crisanta relata os fatos
sem dependências políticas,
prudentes nas suas críticas,
imparciais e sabidas,
duas mansões construídas
que nem o tempo elimina
- Coralina e Crisantina
têm histórias parecidas.

 
Pedro Ernesto Filho
Enviado por Pedro Ernesto Filho em 18/02/2014
Alterado em 24/04/2015

Música: CASA DE CAMPO - Os Nonatos



Comentários